Perguntas frequentes (FAQ)

  1. Existe um tutorial de uso do scriptLattes?
    Sim. Um tutorial elaborado por Luciano Gabriel Francisco (UFSCar) está disponível aqui.

  2. O que quer dizer "O scriptLattes é um software livre"?
    O scriptLattes está sob a licença GNU-GPL e baseia-se em quatro liberdades:
    • A liberdade de executar o programa, para qualquer propósito.
    • A liberdade de estudar como o programa funciona e adaptá-lo para assuas necessidades. (O acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade).
    • A liberdade de redistribuir cópias de modo que você possa ajudar ao seu próximo.
    • A liberdade de aperfeiçoar o programa, e liberar os seus aperfeiçoamentos, de modo que toda a comunidade se beneficie deles. (O acesso ao código-fonte é um pré-requisito para esta liberdade).

  3. De onde são obtidos os dados dos CVs Lattes?
    Todos os CVs Lattes em formato HTML (i.e., como mostrado em qualquer navegador de internet) são obtidos diretamente da Plataforma Lattes. O scriptLattes não faz uso direto do banco de dados Lattes em formato XML. Para o scriptLattes, foi desenvolvido um Parser HTML que permite, na maioria dos casos, obter todos os dados dos CVs Lattes (e.g. publicações, orientações, endereço profissional) de forma correta.

  4. Os relatórios são atualizados automaticamente?
    Não. Os relatórios gerados (e.g. páginas HTML, arquivo RIS, matrizes de adjacência) são estáticos e representam "Fotografias" do momento de execução do scriptLattes. Para ter relatórios atualizados é necessária a re-execução do scriptLattes para suas listas de interesse. A frequência de re-execução determinará a frequência de atualização dos relatórios.

  5. Como instalo o scriptLattes?
    Não é necessário instalar o scriptLattes. O programa foi desenvolvido utilizando Perl e Python. Ambas as versões são interpretadas por um compilador no momento da execução. Assim, não é necessária a criação de binários do scriptLattes.
    Veja na seguinte pergunta os passos necessários para executar o scriptLattes.

  6. Como posso testar/executar o scriptLattes?
    • Instale os requisitos da versão de teste.
    • Baixe a última versão do scriptLattes do página do projeto no seu computador.
    • Descomprima o arquivo .TGZ no diretório de interesse (exemplo: tar xvfz scriptLattesV8.03.tgz).
    • Execute um dos exemplos indicados na seguinte página.

  7. O scriptLattes funciona no sistema operacional MS Windows?
    A versão Python pode ser executado no Windows, entretanto será necessário instalar todos os requisitos para esse sistema operacional. Infelizmente essa instalação de requisitos não é trivial e demandará algum esforço técnico.

    Para fines práticos é sugerida a utilização do Linux Ubuntu dentro do Windows através de um gerenciador de Máquinas Virtuais como o VirtualBox. O procedimento é o seguinte:

    • Baixe a última versão do Linux Ubuntu (em formato ISO).
    • Baixe e instale o VirtualBox no Windows.
      Veja nas seguintes páginas dois tutoriais de instalação em português e inglês.
    • Execute os exemplos de geração de relatórios scriptLattes (veja a pergunta anterior).

  8. O scriptLattes funciona no sistema operacional MacOS?
    A versão Python também pode ser executado no MacOS, entretanto será necessário instalar todos os requisitos. Infelizmente essa instalação de requisitos não é trivial e demandará algum esforço técnico.
    O Prof. Gilberto Camara (INPE) nos enviou um conjunto de passos que deve ser seguido para executar o scriptLattes nesse sistema operacional.
    • Os arquivos do python e das bibliotecas devem ser obtidos usando a ferramenta mac-ports. Não se deve usar o python que vem como default no MAC-OSX.
    • Para instalar os requisitos, no ambiente Mac OS X, é preciso fazer os seguintes comandos:
      	sudo port install python27
      	sudo port select --set python python27
      	sudo port install py27-setupdocs py27-utidylib py27-matplotlib py27-levenshtein
      	sudo port install py27-pygraphviz py27-numpy tidy py27-scipy
    • A biblioteca PIL (python imaging library) precisa ser instalada manualmente, pois nao há um ambiente port (MAC-PORTS) já preparado para ela.

    Instruções para instalar o pacote mechanize em MAC, yosemite, OS 10.10.3

  9. Posso utilizar os dados obtidos pelo scriptLattes em outras aplicações ou bancos de dados específicos?
    Sim. O arquivo .RIS, que é gerado automaticamente com o scriptLattes (veja os parâmetros de configuração), pode ser utilizado para: (i) análises de dados bibliométricos através de ferramentas específicas como o Vantage Point, ou (ii) popular um banco de dados relacional (o código fonte deverá ser modificado/adaptado).

  10. Como é realizada a identificação de Qualis na lista de publicações?
    Para cada publicação, o nome do períodico (ou do evento/congresso) é comparado com uma lista Qualis dada como arquivo de entrada. A comparação é realizada de forma aproximada. Veja na seguinte página um exemplo de lista Qualis de entrada.

  11. Como é realizada a identificação dos países dos coautores nos relatórios de internacionalização?
    Uma publicação é chamada "internacional" se pelo menos um de seus coautores tem cadastrado seu vinculo com uma instituição estrangeira. Em outras palavras, se pelo menos um dos endereços dos coautores pertencem a um país diferente ao do Brasil.
    O procedimento é realizado da seguinte maneira:
    • São escolhidas da lista total de produções acadêmicas aquelas publicadas apenas em revistas.
    • Para cada uma das publicações, a informação do DOI é utilizada para identificar a lista de países de todos os coautores participantes na publicação.
      Aqui é importante destacar que, cada editora eletrônica tem reservada um único prefixo DOI (e.g., o prefixo 10.1016 está associado a Science Direct). Essa informação foi utilizada para projetar parsers específicos para processar as páginas web das 20 editoras acadêmicas mais representativas.
      A operação de identificação dos países dos coautores é realizada através da consulta de um dicionário de países. O dicionario permite padronizar os diferentes nomes que podem ter os países em diferentes línguas (e.g., "USA", "America", "US", "U.S.", "USA", "Estados Unidos", e "América" está vinculado com "United States"). Maior informação está disponível no seguinte artigo.

  12. Existe uma forma de criar relatórios com apenas as atualizações/modificações realizadas nos CVs Lattes?
    Sim. Existe uma versão de teste denominada scriptLattesLattesDiff que permite identificar apenas as atualizações/inserções/remoções realizadas nos currículos Lattes de cada membro de um grupo de interesse. Essa ferramenta, por exemplo, auxilia algumas Bibliotecas para assim manter atualizada todas as produções bibliográficas de um grupo de professores associados a um departamento/instituto. (essa versão não está sendo mais atualizada)

  13. Existe algum material complementar para tratamento dos dados do scriptLattes?
    Sim. Talvez o scriptLattesBlog seja de interesse. Esse blog está dedicado à apresentação de ferramentas e ideias relacionadas com a exploração dos dados da Plataforma Lattes através do scriptLattes e/ou similares.

  14. Com a adoção dos captchas nos CVs Lattes o scriptLattes funciona?
    Com esse novo mecanismo o scriptLattes não funciona de forma automática. O usuário pode baixar todos os CVs Lattes (usando o browser) em um diretório local, configurar o arquivo de configuração e executar o scriptLattes. Não é a solução mais ideal, por demandar maior tempo do usuário, mas é uma alternativa para execução do script para grupos pequenos.

    A seguir o passo a passo:

    • Criar um diretório local no seu computador, por exemplo /home/user10/cache-lattes/
    • Acessar cada CV Lattes usando seu browser, validar o captcha manualmente, salvar o CV Lattes no seu diretório local (exemplo, /home/user10/cache-lattes/).
      O nome do arquivo a ser salvo deve ser o mesmo do ID (16 dígitos) do CV Lattes, sem nenhuma extensão. Pode salvar o HTML simples ou completo.
    • No seu arquivo de configuração (arquivo com extensão .config) deve modificar parâmetro de armazenamento cache de CVs, por exemplo:
      global-diretorio_de_armazenamento_de_cvs  = /home/user10/cache-lattes/
      
    • No seu arquivo de configuração também considerar as seguintes opções para os parâmetros:
      mapa-incluir_alunos_de_pos_doutorado = nao
      mapa-incluir_alunos_de_doutorado     = nao
      mapa-incluir_alunos_de_mestrado      = nao
      
    • Execute o scriptLattes!
    Compreendemos que o processo semi-automatico demanda muito tempo. Se sua lista de IDs Lattes é grande (e.g. maior a 50 IDs), por favor, entre em contato por email.